Conheça a História da Igreja

Ouça nossa Rádio

Bíblia online

biografias

dicas de leitura
Selecionamos alguns livros para aumentar seu conhecimento.

  • Banner
  • Banner

enquete
Você já leu a Bíblia inteira quantas vezes?
Escolha uma opção abaixo
Resultados Outras enquetes




Publicações Imprimir conteúdoIndicar página para alguém

Você quer ser curado?

PREGAÇÃO NO CULTO DE SANTA CEIA DE AGOSTO DE 2017*

 
Referência: João 5.1-14
 
INTRODUÇÃO:
 
Em primeiro lugar no meio da festa, tem uma multidão sofrendo= Jesus foi para uma festa em Jerusalém. Mas enquanto o povo se alegrava ele foi ao Tanque de Betesda, que ficava perto da porta das ovelhas, (local onde entrava os animais dos sacrifícios). Ele visita a “Casa de Misericórdia”, onde havia uma multidão de gente sofrendo.
 
 Ali havia pessoas deformadas, amassadas emocionalmente, com o coração sangrando por feridas ainda abertas. Como também hoje neste culto de celebração tem também muitas pessoas sofrendo, muita gente ferida, gente enferma no corpo e na alma.
 
Talvez estejamos como aqueles necessitados, cegos espirituais, mancos emocionais, ressicados (secos) de esperança.  Jesus se importa conosco. Todos nós vivemos debaixo de ALPENDRES EXISTENCIAIS. Todas nós precisamos de cura em alguma área da nossa vida.
 
Em segundo lugar no meio do sofrimento tem gente esperando por umacura = Ali no Tanque de Betesda,junto à porta das ovelhas, a casa de misericórdia! Há um tanque, uma saída, um lenitivo, uma gota de misericórdia! Um fiapo de esperança!  Onde um anjo descia e movia a água e o primeiro que saltava no tanque era curado.
 
Todos estavam ali na esperança de dar o mergulho da cura. Mas, um dia Jesus foi esse lugar e uma cura maravilhosa aconteceu. Jesus está visitando a sua Betesda também nesta noite.
 
Em terceiro lugar no meio de tantos gemidos ecoa-se uma retumbante pergunta=Quando Jesus viu aquele homem enfermo há 38 anos, fez-lhe uma pergunta: “Você quer ser curado?” Esta mesma pergunta é feita a você nesta noite.
 
Você que já tem esperado tanto tempo. Você que já tem buscado solução para a sua vida em tantas alternativas.
 
Você que já viu tanta gente ser curada à sua volta e ainda está doente, você quer ser curado?
 
Você que já não tem mais forças para caminhar na direção da sua cura, você quer ser curado?
 
Jesus quer te curar porque(a) ele esta interessado na sua vida. b)Ele tem Diagnostico certo da sua doença. C) Ele tem o Remédio certo para a sua Dor.
 
 
 
 
 
I. VOCÊ PODE SER CURADO PORQUE JESUS ESTÁ INTERESSADO NA SUA VIDA – V. 5-6
 
O interesse de Jesus está evidenciado pelo seu conhecimento e sua compaixão por nós.
 
1. O conhecimento de Jesus sobre nós.  v. 6 “Jesus, vendo-o ... e sabendo que estava neste estado a muito tempo”.
 
a) Jesus viu esse enfermo no meio da multidão.Aquele homem era a maquete da desesperança. O retrato da dor. Ele já não tinha mais sonhos para sonhar. Sua causa estava totalmente perdida. Não foi ele quem viu a Jesus, mas foi Jesus quem o viu.
 
Jesus viu o seu passado, a sua condição e o seu futuro. Jesus viu que a causa da sua tragédia era o pecado da sua juventude. Jesus viu que ele estava colhendo o que havia plantado.
 
b) Jesus viu uma triste história de pecado(v. 14 “não volte mais a vida de pecado, ou algo pior poderá te acontecer” (BLC).
 
Aquele homem não estava apenas PRESO À SUA CAMA, mas também ao seu passado, as suas memórias amargas, a sua culpa. O pecado havia jogado aquele homem num leito existencial.
 
c) Jesus também está vendo a sua vida. Ele vê a sua alma. Ele sonda o seu coração. Ele sabe qual é a sua doença. Nada pode ficar oculto aos olhos dele. Jesus conhece os segredos do seu coração.
 
Jesus sabia que aquele homem estava enfermo há 38 anos. Sabia a causa do seu sofrimento. Jesus conhece a sua dor, a sua angústia, o seu vazio, a sua crise. Ele tem nas mãos o diagnóstico da nossa vida. El tem o raios-X da nossa alma.
 
2. A compaixão de Jesus por nós.  V. 6 – 7.
 
A doença desse homem era uma causa perdida.  Por isso, Jesus foi ao encontro dele. Jesus tomou a iniciativa. Jesus o abordou. Jesus abriu para ele a porta da esperança.
 
Jesus sentiu sua dor, seu drama. Talvez você já não tenha mais forças para clamar. Talvez você já desistiu de esperar uma cura, ou de lutar por uma libertação de um pecado especifico.
 
Talvez até aqui você só tem encontrado incompreensões e luta sozinho para uma cura que não acontece, por uma causa que não tem jeito. Mas Jesus está aqui. Ele se importa com você e se compadece de você.
 
Porque quando os nossos recursos acabam, somos fortes candidatos para um milagre.  Aquele homem estava só. Sua família o havia abandonado. Não tinha ninguém por ele. Não tinha saúde. Não tinha paz.
 
A solidão era a marca da sua vida. Ele havia chegado ao fim da linha, ao fundo do poço.Mas quando se viu desamparado, Jesus lhe estendeu a mão.
 
Se você se sente só, Jesus está perto de você. Ele pode preencher o vazio da sua alma. Todos o abandonam. Todos o acusam. Todos o discriminam, mas Jesus investe em você.
 
Se você se sente desamparado,Jesus levanta você. Jesus põe você de pé. Você caiu, fracassou, não tem forças para se levantar. As pessoas lhe rejeitaram. Mas Jesus ama você e toma você pela mão e lhe dá dignidade para continuar a viver.
 
Se você se sente desencorajado,Jesus acende uma chama de esperança no seu coração. Jesus gera expectativa no seu coração:
 
Se você se sente manco, aleijado, deformado em seus sentimentos, Jesus cura você. Ele limpa a sua vida. Ele restaura o seu nome. Ele perdoa você.
 
Se você se sente fraco, derrotado e já tentou várias vezes e fracassou, Jesus cura você. Levanta você. Restaura você e o devolve à sua família com dignidade!
 
II. VOCÊ PODE SER CURADO PORQUE JESUS TEM O DIAGNOSTICO DA SUA DOR. V. 5-7
 
1. Jesus ensina-nos a Reconhecer nossas doenças existenciais – v. 5-6
 
Para você ser curado, você precisa entender qual é o seu problema. Você precisa identificar as áreas da sua vida que precisam de cura. Muitas pessoas não querem se apresentar como fracas. Querem fazer de conta que não existe nada.
 
Mas todos nós somos feridos. Temos feridas emocionais. Ninguém vem de uma família perfeita. Todos nós temos feridas que precisam ser curadas: na área da família, dos relacionamentos, das perdassignificativas.
 
FERIDAS EMOCIONAIS quando não saram de forma apropriada, são como as feridas físicas. São como farpas(lascas de madeira) no coração, se não forem tiradas produzem “PUS EMOCIONAL”.  
 
Tem muita gente que tem medo de tirar as farpas. Tem medo de enfrentar a doença. Tem medo de voltar ao passado. Mas as cicatrizes da cura são cicatrizes de vitória – como as cicatrizes das mãos e dos pés de Jesus.
 
Aquele enfermo precisava lidar com os DRAMAS DA SUA CONSCIÊNCIA( v. 14), Olha os dramas daquele homem: pecado, abandono da família, solidão, amargura, rejeição. Tudo isso está claro quando ele diz: “Eu não tenho ninguém.”
 
Quais são as suas doenças que precisam ser curadas: mágoas, rejeição, abuso sexual, maus tratos, ingratidão, falta de perdão, soltar o passado, sarar perdas importantes (o luto, o divórcio), a culpa?
 
Jesus estava ensinando os Passos necessários para a cura:1) Admitir que você foi ferido e que há uma ferida no seu coração; 2) Identificar a ferida; 3) Perdoar as pessoas envolvidas nas suas feridas; 4) Entregue agora sua causa a Jesus.
 
Jesus sabia qual era a doença daquele homem. Jesus queria curá-lo, mas antes de fazê-lo Jesus o fez consciente da sua doença.
 
2. Jesus ensina-nos a remover as farpas do nosso coração – v. 7.
 
Quando Jesus perguntou ao homem do tanque de Betesda se ele queria ser curado, este homem lhe respondeu com uma DESCULPA: “Não tenho ninguém.”(v. 7).
 
Ele poderia ter dito simplesmente sim ou não. Se a cura traz tantos benefícios, por que as pessoas apresentam tantas desculpas ou JUSTIFICATIVAS EXISTENCIAIS para serem curadas?
 
Existem muitas desculpas existenciais que são farpas fincadas no nosso coração. Vejamos:
 
a) Eu não tenho ninguém.Sou vítima do esquecimento, abandono e ingratidão da família e dos amigos – Aquele homem de Betesda despeja a sua mágoa diante de Jesus.
 
Além de doente do corpo estava também com a alma enferma. Ele atribuía a sua falta de cura às pessoas. Os outros eram os responsáveis. Dizia ele: “Eu não fui curado porque não tenho ninguém que se interesse realmente por mim”.
 
b) Tenho medo de encarar o passado. Será muito doloroso remexer o passado. O que passou, passou – O processo da cura dói.
 
Muitas vezes significa olhar para trás e reparar danos, recordar experiências dolorosas: um abuso sexual, a falta de amor do pai ou da mãe, as cenas de violência, o abandono.
 
Cada pessoa tem farpas que causam dor e para sarar é preciso recordar. Não adianta tapar uma ferida. É preciso limpá-la. No caso do perdão é preciso:
 
c) Perdoar? “Mas eu fui ofendido”! O perdão nos liberta e nos cura. A mágoa adoece. A falta de perdão torna a vida um inferno. Quem não perdoa não tem paz. Quem não perdoa não ora, não adora, não é perdoado.
 
Quem não perdoa adoece. Quem não perdoa é entregue aos verdugos. Não espere a pessoa que lhe feriu mudar. Perdoe essa pessoa. Fique livre!
 
Esquecer? Você está louco?Deus tem um lugar específico para colocar as nossas lembranças amargas: o mar do esquecimento (Mq. 7:19).
 
Esquecer não significa fazer de conta que nada aconteceu. Significa viver além do que aconteceu. Esquecer é não sofrer nem cobrar mais a dívida da pessoa que lhe feriu.
 
 
 
d) Acometidos da síndrome do ser vitima.  “não tenho ninguém”. Muitas vezes nos colocamos na posição de vítimas indefesas dos homens e das circunstâncias.
 
E o mais triste é que passamos a acreditar nisso mesmo. Isso nos poupa de lutar conosco mesmos, ou com o nosso passado, mas também nos priva de qualquer possibilidade de vitória.
 
Quando Jesus perguntou ao paralítico ele não respondeu de pronto, mas passou a desenrolar uma série de lamentações (v. 7).
 
Longe de enxerga-se a si mesmo (no seu caso eram os seus próprios pecados, a causa da sua miséria v.14) ele passou a responsabilizar as pessoas ao seu redor.
 
e) Acostumamos com a nossa dor. Ele estava apegado a sua doença. Ele acostumou com a sua dor. Seu problema virou bichinho de estimação! Ele não sente mais o desejo de recuperação! A doença tornou seu veiculo de comunicação.
 
 Ele evita uma mudança!Eu sou assim mesmo, este é o meu jeito, sou assim por causa do meu temperamento, sou colérico, sanguíneo, fleumático. As pessoas me amam ou me odeiam!  
 
As DOENÇAS EXISTENCIAIS; podem nos trazer alguns benefícios dos quais temos muita dificuldade de abrir mão.
 
Ser curado implica assumir toda a responsabilidade pela própria vida.Se você quer culpar seus pais, seus vizinhos, a igreja, Deus e o mundo pelos seus sofrimentos, então você nunca será curado, pois você PRECISA DE SUA MÁGOA PARA VIVER.
 
Se você quer conquistar a piedade das pessoas com sua inferioridade, e com o seu sofrimento, então você jamais receberá a cura, pois precisa da sua AUTO-ESTIMA EM BAIXA PARA VIVER.
 
Se você não quer assumir compromissos, nem correr o risco de lançar-se em um empreendimento e fracassar, tampouco será curado, POIS NECESSITA DO SEU MEDO PARA VIVER.
 
ENTRE VOCÊ E A SUA ENFERMIDADE ESTABELECEU-SE UMA RELAÇÃO DE DEPENDÊNCIA QUE SABOTA TODAS AS SUAS TENTATIVAS DE MUDANÇA.Este tem sido o principio de vida que tem governado a vida da maioria das pessoas.
 
f) Incapacidade de ver além das circunstancias:ele só via o tanque como saída para sua vida. Não conseguia ver outra coisa a não ser o tanque. Ele usava a viseira do tanque, não consegui olhar para outra direção!
 
Ele perdeu 38 anos olhando para o tanque! Que não conseguia ver mais nada. O tanque era a sua ultima esperança; sua única solução. Ele não conseguia olhar para além das circunstâncias, ele não conseguia enxergar sua própria condição.
 
Muitas vezes centralizamos nossa vida em algo que achamos que será a única solução. O paralítico pensava somente no tanque, não sendo capaz de entender que Jesus estava dizendo: você quer o tanque ou a cura? Quanta semelhança com o modo como as pessoas enfrentam os seus problemas.
 
Parece que o mundo vive um tipo de DOENÇA COLETIVA, os LUNÁTICOS IDEALITAS; as pessoas vivem no mundo da lua da ficção mental.
 
Elas têm uma ideia de um mundo perfeito, de casamento perfeito, de uma igreja perfeita, que não existe e nunca existirá; e isto é FUGA DA REALIDADE; evita o fato de ter que enfrentar os próprios problemas e se expor para ser curado.
 
g) Desistimos facilmente de tentar. “Não posso, não sou suficientemente forte para entrar no tanque.” Todos os métodos que aquele homem tinha experimentado para ser curado haviam dado em nada.
 
A esperança era continuamente reavivada sempre que ele fazia nova tentativa, mas era seguida de amargo desapontamento. Depois de tantas tentativas mal sucedidas ele simplesmente desistiu! SE ALGUÉM NÃO ME AJUDAR É IMPOSSÍVEL.
 
h) Têm gente que sabe que precisa mais não quer.  O curioso a nosso respeito é que, muitas vezes, os PADRÕES DE COMPORTAMENTO que mais tendem a destruir nossa vida são aqueles que mais relutamos em nos libertar.
 
E o resultado hoje é para tentar responder à pergunta “Você quer ser curado?”, muitas pessoas se voltam para a AUTOAJUDA. E acabam ficando ainda mais frustradas.
 
Jesus te pergunta: Você quer ser curado?
 
III. JESUS TEM O REMÉDIO CERTO PARA A SUA DOR. V.8
 
Quatroetapas acontecem para este homem ser curado.
 
1. Uma pergunta maravilhosa – “Queres ser curado?”
 
Não importa quanto tempo você está sofrendo. A mulher hemorrágica sofreu 12 anos. A mulher encurvada andou 18 anos corcunda. Esse homem estava doente há 38 anos. Jesus viu um homem cego de nascença. Jesus curou a todos eles. Ele pode curar você também.
 
Não importa a causa do seu problema. Jesus é maior do que o seu problema. A sua doença pode ser incurável para os homens, mas não para Jesus. Ele é poderoso para curar você nesta noite.
 
Não importa a gravidade do seu problema. 38 anos de sofrimento. Mas Jesus lhe pergunta: Queres ser curado? Lázaro – Já cheirava mal, quatro dias sepultado. Mas Jesus ordena: Vem para fora! Você está numa SEPULTURA EXISTENCIAL.
 
Não importa as desastradas consequências do seu problema.Sua saúde acabou, seu nome foi para a lama, sua família está arrebentada. Jesus pode pegar os cacos e fazer tudo de novo. Ele transformou uma prostituta possessa, Maria Madalena e fez dela a primeira missionária da sua ressurreição.
 
Não importa o quão desesperançado você esteja. Talvez você diz: “eu não tenho ninguém”. Mas Jesus está presente com você. Ele pode tudo. Ele é o Senhor das causas perdidas.
 
Não importa quantas tentativas fracassadas você já teve.Todo ano aquele homem via gente sendo curada e ele mofando em cima da cama. Mas agora Jesus o toma e o cura!
 
2. Uma ordem maravilhosa – “Levanta-te toma o teu leito e anda”.
 
Jesus dá a ordem e dá o poder para você cumpri-la. A Palavra de Jesus tem poder. Palavra de Jesus acalma a tempestade. Os Anjos obedecem, os demônios estremecem, as enfermidades saem.
 
Ele tem toda autoridade no céu e na terra. Ele disse ao homem da mão ressequida: estende a tua mão. O que era impossível aconteceu.
 
Jesus disse para Lázaro depois de 4 dias morto: Lázaro vem para fora e o morto o obedeceu!
 
3. Um resultado maravilhoso. V.9 “Imediatamente o homem se viu curado…”
 
Em contraste com os 38 anos de espera, a Bíblia diz que ele imediatamente voltou a andar. O milagre de Jesus é imediato, completo e público. A cura de Jesus não é parcial. Jesus não oferece meias soluções. Jesus não oferece paliativos.
 
Ele não usa artifícios para enganar você. O mesmo Jesus que levantou aquele enfermo está aqui e pode perdoar você, curar você, salvar você e fazer de você uma pessoa completa, feliz e saudável física, emocional e espiritualmente.
 
4.  Uma libertação maravilhosa. V. 11.  “O Homem que me curou, me disse toma a tua cama e anda”. Eu fui prisioneiro deste leito durante 38 anos, e eu achava que este era o meu fim. Mais agora ele não me domina, eu o carrego. Eu sou livre
 
Jesus está dizendo para você. Levante-se. Não fique mais prostrado. O libertador da sua vida chegou. Não ande mais como um derrotado. Não viva mais encurvado. A cura chegou. Coloque-se de pé de volte para a sua casa curado.
 
CONCLUSÃO: Você quer ser curado? O médico dos médicos está entre nós. Ele é o Filho Deus. Ele conhece você. Ama você. Está interessado na sua vida e pode hoje curar você imediatamente, completamente!

 

*Essa pregação foi realizada durante o culto de Santa Ceia aqui na Assembleia de Deus Marcas do Evangelho, que acontece todo primeiro domingo do mês. Ficamos na Rua Álvaro Pedro Miranda, 08, Campo Grande, Cariacica/ES. Perto da Faculdade Pio XII.

 
 
Referência: João 5.1-14
 
INTRODUÇÃO:
 
Em primeiro lugar no meio da festa, tem uma multidão sofrendo= Jesus foi para uma festa em Jerusalém. Mas enquanto o povo se alegrava ele foi ao Tanque de Betesda, que ficava perto da porta das ovelhas, (local onde entrava os animais dos sacrifícios). Ele visita a “Casa de Misericórdia”, onde havia uma multidão de gente sofrendo.
 
 Ali havia pessoas deformadas, amassadas emocionalmente, com o coração sangrando por feridas ainda abertas. Como também hoje neste culto de celebração tem também muitas pessoas sofrendo, muita gente ferida, gente enferma no corpo e na alma.
 
Talvez estejamos como aqueles necessitados, cegos espirituais, mancos emocionais, ressicados (secos) de esperança.  Jesus se importa conosco. Todos nós vivemos debaixo de ALPENDRES EXISTENCIAIS. Todas nós precisamos de cura em alguma área da nossa vida.
 
Em segundo lugar no meio do sofrimento tem gente esperando por umacura = Ali no Tanque de Betesda,junto à porta das ovelhas, a casa de misericórdia! Há um tanque, uma saída, um lenitivo, uma gota de misericórdia! Um fiapo de esperança!  Onde um anjo descia e movia a água e o primeiro que saltava no tanque era curado.
 
Todos estavam ali na esperança de dar o mergulho da cura. Mas, um dia Jesus foi esse lugar e uma cura maravilhosa aconteceu. Jesus está visitando a sua Betesda também nesta noite.
 
Em terceiro lugar no meio de tantos gemidos ecoa-se uma retumbante pergunta=Quando Jesus viu aquele homem enfermo há 38 anos, fez-lhe uma pergunta: “Você quer ser curado?” Esta mesma pergunta é feita a você nesta noite.
 
Você que já tem esperado tanto tempo. Você que já tem buscado solução para a sua vida em tantas alternativas.
 
Você que já viu tanta gente ser curada à sua volta e ainda está doente, você quer ser curado?
 
Você que já não tem mais forças para caminhar na direção da sua cura, você quer ser curado?
 
Jesus quer te curar porque(a) ele esta interessado na sua vida. b)Ele tem Diagnostico certo da sua doença. C) Ele tem o Remédio certo para a sua Dor.
 
 
 
 
 
I. VOCÊ PODE SER CURADO PORQUE JESUS ESTÁ INTERESSADO NA SUA VIDA – V. 5-6
 
O interesse de Jesus está evidenciado pelo seu conhecimento e sua compaixão por nós.
 
1. O conhecimento de Jesus sobre nós.  v. 6 “Jesus, vendo-o ... e sabendo que estava neste estado a muito tempo”.
 
a) Jesus viu esse enfermo no meio da multidão.Aquele homem era a maquete da desesperança. O retrato da dor. Ele já não tinha mais sonhos para sonhar. Sua causa estava totalmente perdida. Não foi ele quem viu a Jesus, mas foi Jesus quem o viu.
 
Jesus viu o seu passado, a sua condição e o seu futuro. Jesus viu que a causa da sua tragédia era o pecado da sua juventude. Jesus viu que ele estava colhendo o que havia plantado.
 
b) Jesus viu uma triste história de pecado(v. 14 “não volte mais a vida de pecado, ou algo pior poderá te acontecer” (BLC).
 
Aquele homem não estava apenas PRESO À SUA CAMA, mas também ao seu passado, as suas memórias amargas, a sua culpa. O pecado havia jogado aquele homem num leito existencial.
 
c) Jesus também está vendo a sua vida. Ele vê a sua alma. Ele sonda o seu coração. Ele sabe qual é a sua doença. Nada pode ficar oculto aos olhos dele. Jesus conhece os segredos do seu coração.
 
Jesus sabia que aquele homem estava enfermo há 38 anos. Sabia a causa do seu sofrimento. Jesus conhece a sua dor, a sua angústia, o seu vazio, a sua crise. Ele tem nas mãos o diagnóstico da nossa vida. El tem o raios-X da nossa alma.
 
2. A compaixão de Jesus por nós.  V. 6 – 7.
 
A doença desse homem era uma causa perdida.  Por isso, Jesus foi ao encontro dele. Jesus tomou a iniciativa. Jesus o abordou. Jesus abriu para ele a porta da esperança.
 
Jesus sentiu sua dor, seu drama. Talvez você já não tenha mais forças para clamar. Talvez você já desistiu de esperar uma cura, ou de lutar por uma libertação de um pecado especifico.
 
Talvez até aqui você só tem encontrado incompreensões e luta sozinho para uma cura que não acontece, por uma causa que não tem jeito. Mas Jesus está aqui. Ele se importa com você e se compadece de você.
 
Porque quando os nossos recursos acabam, somos fortes candidatos para um milagre.  Aquele homem estava só. Sua família o havia abandonado. Não tinha ninguém por ele. Não tinha saúde. Não tinha paz.
 
A solidão era a marca da sua vida. Ele havia chegado ao fim da linha, ao fundo do poço.Mas quando se viu desamparado, Jesus lhe estendeu a mão.
 
Se você se sente só, Jesus está perto de você. Ele pode preencher o vazio da sua alma. Todos o abandonam. Todos o acusam. Todos o discriminam, mas Jesus investe em você.
 
Se você se sente desamparado,Jesus levanta você. Jesus põe você de pé. Você caiu, fracassou, não tem forças para se levantar. As pessoas lhe rejeitaram. Mas Jesus ama você e toma você pela mão e lhe dá dignidade para continuar a viver.
 
Se você se sente desencorajado,Jesus acende uma chama de esperança no seu coração. Jesus gera expectativa no seu coração:
 
Se você se sente manco, aleijado, deformado em seus sentimentos, Jesus cura você. Ele limpa a sua vida. Ele restaura o seu nome. Ele perdoa você.
 
Se você se sente fraco, derrotado e já tentou várias vezes e fracassou, Jesus cura você. Levanta você. Restaura você e o devolve à sua família com dignidade!
 
II. VOCÊ PODE SER CURADO PORQUE JESUS TEM O DIAGNOSTICO DA SUA DOR. V. 5-7
 
1. Jesus ensina-nos a Reconhecer nossas doenças existenciais – v. 5-6
 
Para você ser curado, você precisa entender qual é o seu problema. Você precisa identificar as áreas da sua vida que precisam de cura. Muitas pessoas não querem se apresentar como fracas. Querem fazer de conta que não existe nada.
 
Mas todos nós somos feridos. Temos feridas emocionais. Ninguém vem de uma família perfeita. Todos nós temos feridas que precisam ser curadas: na área da família, dos relacionamentos, das perdassignificativas.
 
FERIDAS EMOCIONAIS quando não saram de forma apropriada, são como as feridas físicas. São como farpas(lascas de madeira) no coração, se não forem tiradas produzem “PUS EMOCIONAL”.  
 
Tem muita gente que tem medo de tirar as farpas. Tem medo de enfrentar a doença. Tem medo de voltar ao passado. Mas as cicatrizes da cura são cicatrizes de vitória – como as cicatrizes das mãos e dos pés de Jesus.
 
Aquele enfermo precisava lidar com os DRAMAS DA SUA CONSCIÊNCIA( v. 14), Olha os dramas daquele homem: pecado, abandono da família, solidão, amargura, rejeição. Tudo isso está claro quando ele diz: “Eu não tenho ninguém.”
 
Quais são as suas doenças que precisam ser curadas: mágoas, rejeição, abuso sexual, maus tratos, ingratidão, falta de perdão, soltar o passado, sarar perdas importantes (o luto, o divórcio), a culpa?
 
Jesus estava ensinando os Passos necessários para a cura:1) Admitir que você foi ferido e que há uma ferida no seu coração; 2) Identificar a ferida; 3) Perdoar as pessoas envolvidas nas suas feridas; 4) Entregue agora sua causa a Jesus.
 
Jesus sabia qual era a doença daquele homem. Jesus queria curá-lo, mas antes de fazê-lo Jesus o fez consciente da sua doença.
 
2. Jesus ensina-nos a remover as farpas do nosso coração – v. 7.
 
Quando Jesus perguntou ao homem do tanque de Betesda se ele queria ser curado, este homem lhe respondeu com uma DESCULPA: “Não tenho ninguém.”(v. 7).
 
Ele poderia ter dito simplesmente sim ou não. Se a cura traz tantos benefícios, por que as pessoas apresentam tantas desculpas ou JUSTIFICATIVAS EXISTENCIAIS para serem curadas?
 
Existem muitas desculpas existenciais que são farpas fincadas no nosso coração. Vejamos:
 
a) Eu não tenho ninguém.Sou vítima do esquecimento, abandono e ingratidão da família e dos amigos – Aquele homem de Betesda despeja a sua mágoa diante de Jesus.
 
Além de doente do corpo estava também com a alma enferma. Ele atribuía a sua falta de cura às pessoas. Os outros eram os responsáveis. Dizia ele: “Eu não fui curado porque não tenho ninguém que se interesse realmente por mim”.
 
b) Tenho medo de encarar o passado. Será muito doloroso remexer o passado. O que passou, passou – O processo da cura dói.
 
Muitas vezes significa olhar para trás e reparar danos, recordar experiências dolorosas: um abuso sexual, a falta de amor do pai ou da mãe, as cenas de violência, o abandono.
 
Cada pessoa tem farpas que causam dor e para sarar é preciso recordar. Não adianta tapar uma ferida. É preciso limpá-la. No caso do perdão é preciso:
 
c) Perdoar? “Mas eu fui ofendido”! O perdão nos liberta e nos cura. A mágoa adoece. A falta de perdão torna a vida um inferno. Quem não perdoa não tem paz. Quem não perdoa não ora, não adora, não é perdoado.
 
Quem não perdoa adoece. Quem não perdoa é entregue aos verdugos. Não espere a pessoa que lhe feriu mudar. Perdoe essa pessoa. Fique livre!
 
Esquecer? Você está louco?Deus tem um lugar específico para colocar as nossas lembranças amargas: o mar do esquecimento (Mq. 7:19).
 
Esquecer não significa fazer de conta que nada aconteceu. Significa viver além do que aconteceu. Esquecer é não sofrer nem cobrar mais a dívida da pessoa que lhe feriu.
 
 
 
d) Acometidos da síndrome do ser vitima.  “não tenho ninguém”. Muitas vezes nos colocamos na posição de vítimas indefesas dos homens e das circunstâncias.
 
E o mais triste é que passamos a acreditar nisso mesmo. Isso nos poupa de lutar conosco mesmos, ou com o nosso passado, mas também nos priva de qualquer possibilidade de vitória.
 
Quando Jesus perguntou ao paralítico ele não respondeu de pronto, mas passou a desenrolar uma série de lamentações (v. 7).
 
Longe de enxerga-se a si mesmo (no seu caso eram os seus próprios pecados, a causa da sua miséria v.14) ele passou a responsabilizar as pessoas ao seu redor.
 
e) Acostumamos com a nossa dor. Ele estava apegado a sua doença. Ele acostumou com a sua dor. Seu problema virou bichinho de estimação! Ele não sente mais o desejo de recuperação! A doença tornou seu veiculo de comunicação.
 
 Ele evita uma mudança!Eu sou assim mesmo, este é o meu jeito, sou assim por causa do meu temperamento, sou colérico, sanguíneo, fleumático. As pessoas me amam ou me odeiam!  
 
As DOENÇAS EXISTENCIAIS; podem nos trazer alguns benefícios dos quais temos muita dificuldade de abrir mão.
 
Ser curado implica assumir toda a responsabilidade pela própria vida.Se você quer culpar seus pais, seus vizinhos, a igreja, Deus e o mundo pelos seus sofrimentos, então você nunca será curado, pois você PRECISA DE SUA MÁGOA PARA VIVER.
 
Se você quer conquistar a piedade das pessoas com sua inferioridade, e com o seu sofrimento, então você jamais receberá a cura, pois precisa da sua AUTO-ESTIMA EM BAIXA PARA VIVER.
 
Se você não quer assumir compromissos, nem correr o risco de lançar-se em um empreendimento e fracassar, tampouco será curado, POIS NECESSITA DO SEU MEDO PARA VIVER.
 
ENTRE VOCÊ E A SUA ENFERMIDADE ESTABELECEU-SE UMA RELAÇÃO DE DEPENDÊNCIA QUE SABOTA TODAS AS SUAS TENTATIVAS DE MUDANÇA.Este tem sido o principio de vida que tem governado a vida da maioria das pessoas.
 
f) Incapacidade de ver além das circunstancias:ele só via o tanque como saída para sua vida. Não conseguia ver outra coisa a não ser o tanque. Ele usava a viseira do tanque, não consegui olhar para outra direção!
 
Ele perdeu 38 anos olhando para o tanque! Que não conseguia ver mais nada. O tanque era a sua ultima esperança; sua única solução. Ele não conseguia olhar para além das circunstâncias, ele não conseguia enxergar sua própria condição.
 
Muitas vezes centralizamos nossa vida em algo que achamos que será a única solução. O paralítico pensava somente no tanque, não sendo capaz de entender que Jesus estava dizendo: você quer o tanque ou a cura? Quanta semelhança com o modo como as pessoas enfrentam os seus problemas.
 
Parece que o mundo vive um tipo de DOENÇA COLETIVA, os LUNÁTICOS IDEALITAS; as pessoas vivem no mundo da lua da ficção mental.
 
Elas têm uma ideia de um mundo perfeito, de casamento perfeito, de uma igreja perfeita, que não existe e nunca existirá; e isto é FUGA DA REALIDADE; evita o fato de ter que enfrentar os próprios problemas e se expor para ser curado.
 
g) Desistimos facilmente de tentar. “Não posso, não sou suficientemente forte para entrar no tanque.” Todos os métodos que aquele homem tinha experimentado para ser curado haviam dado em nada.
 
A esperança era continuamente reavivada sempre que ele fazia nova tentativa, mas era seguida de amargo desapontamento. Depois de tantas tentativas mal sucedidas ele simplesmente desistiu! SE ALGUÉM NÃO ME AJUDAR É IMPOSSÍVEL.
 
h) Têm gente que sabe que precisa mais não quer.  O curioso a nosso respeito é que, muitas vezes, os PADRÕES DE COMPORTAMENTO que mais tendem a destruir nossa vida são aqueles que mais relutamos em nos libertar.
 
E o resultado hoje é para tentar responder à pergunta “Você quer ser curado?”, muitas pessoas se voltam para a AUTOAJUDA. E acabam ficando ainda mais frustradas.
 
Jesus te pergunta: Você quer ser curado?
 
III. JESUS TEM O REMÉDIO CERTO PARA A SUA DOR. V.8
 
Quatroetapas acontecem para este homem ser curado.
 
1. Uma pergunta maravilhosa – “Queres ser curado?”
 
Não importa quanto tempo você está sofrendo. A mulher hemorrágica sofreu 12 anos. A mulher encurvada andou 18 anos corcunda. Esse homem estava doente há 38 anos. Jesus viu um homem cego de nascença. Jesus curou a todos eles. Ele pode curar você também.
 
Não importa a causa do seu problema. Jesus é maior do que o seu problema. A sua doença pode ser incurável para os homens, mas não para Jesus. Ele é poderoso para curar você nesta noite.
 
Não importa a gravidade do seu problema. 38 anos de sofrimento. Mas Jesus lhe pergunta: Queres ser curado? Lázaro – Já cheirava mal, quatro dias sepultado. Mas Jesus ordena: Vem para fora! Você está numa SEPULTURA EXISTENCIAL.
 
Não importa as desastradas consequências do seu problema.Sua saúde acabou, seu nome foi para a lama, sua família está arrebentada. Jesus pode pegar os cacos e fazer tudo de novo. Ele transformou uma prostituta possessa, Maria Madalena e fez dela a primeira missionária da sua ressurreição.
 
Não importa o quão desesperançado você esteja. Talvez você diz: “eu não tenho ninguém”. Mas Jesus está presente com você. Ele pode tudo. Ele é o Senhor das causas perdidas.
 
Não importa quantas tentativas fracassadas você já teve.Todo ano aquele homem via gente sendo curada e ele mofando em cima da cama. Mas agora Jesus o toma e o cura!
 
2. Uma ordem maravilhosa – “Levanta-te toma o teu leito e anda”.
 
Jesus dá a ordem e dá o poder para você cumpri-la. A Palavra de Jesus tem poder. Palavra de Jesus acalma a tempestade. Os Anjos obedecem, os demônios estremecem, as enfermidades saem.
 
Ele tem toda autoridade no céu e na terra. Ele disse ao homem da mão ressequida: estende a tua mão. O que era impossível aconteceu.
 
Jesus disse para Lázaro depois de 4 dias morto: Lázaro vem para fora e o morto o obedeceu!
 
3. Um resultado maravilhoso. V.9 “Imediatamente o homem se viu curado…”
 
Em contraste com os 38 anos de espera, a Bíblia diz que ele imediatamente voltou a andar. O milagre de Jesus é imediato, completo e público. A cura de Jesus não é parcial. Jesus não oferece meias soluções. Jesus não oferece paliativos.
 
Ele não usa artifícios para enganar você. O mesmo Jesus que levantou aquele enfermo está aqui e pode perdoar você, curar você, salvar você e fazer de você uma pessoa completa, feliz e saudável física, emocional e espiritualmente.
 
4.  Uma libertação maravilhosa. V. 11.  “O Homem que me curou, me disse toma a tua cama e anda”. Eu fui prisioneiro deste leito durante 38 anos, e eu achava que este era o meu fim. Mais agora ele não me domina, eu o carrego. Eu sou livre
 
Jesus está dizendo para você. Levante-se. Não fique mais prostrado. O libertador da sua vida chegou. Não ande mais como um derrotado. Não viva mais encurvado. A cura chegou. Coloque-se de pé de volte para a sua casa curado.
 
CONCLUSÃO: Você quer ser curado? O médico dos médicos está entre nós. Ele é o Filho Deus. Ele conhece você. Ama você. Está interessado na sua vida e pode hoje curar você imediatamente, completamente!

 

 
 
Referência: João 5.1-14
 
INTRODUÇÃO:
 
Em primeiro lugar no meio da festa, tem uma multidão sofrendo= Jesus foi para uma festa em Jerusalém. Mas enquanto o povo se alegrava ele foi ao Tanque de Betesda, que ficava perto da porta das ovelhas, (local onde entrava os animais dos sacrifícios). Ele visita a “Casa de Misericórdia”, onde havia uma multidão de gente sofrendo.
 
 Ali havia pessoas deformadas, amassadas emocionalmente, com o coração sangrando por feridas ainda abertas. Como também hoje neste culto de celebração tem também muitas pessoas sofrendo, muita gente ferida, gente enferma no corpo e na alma.
 
Talvez estejamos como aqueles necessitados, cegos espirituais, mancos emocionais, ressicados (secos) de esperança.  Jesus se importa conosco. Todos nós vivemos debaixo de ALPENDRES EXISTENCIAIS. Todas nós precisamos de cura em alguma área da nossa vida.
 
Em segundo lugar no meio do sofrimento tem gente esperando por umacura = Ali no Tanque de Betesda,junto à porta das ovelhas, a casa de misericórdia! Há um tanque, uma saída, um lenitivo, uma gota de misericórdia! Um fiapo de esperança!  Onde um anjo descia e movia a água e o primeiro que saltava no tanque era curado.
 
Todos estavam ali na esperança de dar o mergulho da cura. Mas, um dia Jesus foi esse lugar e uma cura maravilhosa aconteceu. Jesus está visitando a sua Betesda também nesta noite.
 
Em terceiro lugar no meio de tantos gemidos ecoa-se uma retumbante pergunta=Quando Jesus viu aquele homem enfermo há 38 anos, fez-lhe uma pergunta: “Você quer ser curado?” Esta mesma pergunta é feita a você nesta noite.
 
Você que já tem esperado tanto tempo. Você que já tem buscado solução para a sua vida em tantas alternativas.
 
Você que já viu tanta gente ser curada à sua volta e ainda está doente, você quer ser curado?
 
Você que já não tem mais forças para caminhar na direção da sua cura, você quer ser curado?
 
Jesus quer te curar porque(a) ele esta interessado na sua vida. b)Ele tem Diagnostico certo da sua doença. C) Ele tem o Remédio certo para a sua Dor.
 
 
 
 
 
I. VOCÊ PODE SER CURADO PORQUE JESUS ESTÁ INTERESSADO NA SUA VIDA – V. 5-6
 
O interesse de Jesus está evidenciado pelo seu conhecimento e sua compaixão por nós.
 
1. O conhecimento de Jesus sobre nós.  v. 6 “Jesus, vendo-o ... e sabendo que estava neste estado a muito tempo”.
 
a) Jesus viu esse enfermo no meio da multidão.Aquele homem era a maquete da desesperança. O retrato da dor. Ele já não tinha mais sonhos para sonhar. Sua causa estava totalmente perdida. Não foi ele quem viu a Jesus, mas foi Jesus quem o viu.
 
Jesus viu o seu passado, a sua condição e o seu futuro. Jesus viu que a causa da sua tragédia era o pecado da sua juventude. Jesus viu que ele estava colhendo o que havia plantado.
 
b) Jesus viu uma triste história de pecado(v. 14 “não volte mais a vida de pecado, ou algo pior poderá te acontecer” (BLC).
 
Aquele homem não estava apenas PRESO À SUA CAMA, mas também ao seu passado, as suas memórias amargas, a sua culpa. O pecado havia jogado aquele homem num leito existencial.
 
c) Jesus também está vendo a sua vida. Ele vê a sua alma. Ele sonda o seu coração. Ele sabe qual é a sua doença. Nada pode ficar oculto aos olhos dele. Jesus conhece os segredos do seu coração.
 
Jesus sabia que aquele homem estava enfermo há 38 anos. Sabia a causa do seu sofrimento. Jesus conhece a sua dor, a sua angústia, o seu vazio, a sua crise. Ele tem nas mãos o diagnóstico da nossa vida. El tem o raios-X da nossa alma.
 
2. A compaixão de Jesus por nós.  V. 6 – 7.
 
A doença desse homem era uma causa perdida.  Por isso, Jesus foi ao encontro dele. Jesus tomou a iniciativa. Jesus o abordou. Jesus abriu para ele a porta da esperança.
 
Jesus sentiu sua dor, seu drama. Talvez você já não tenha mais forças para clamar. Talvez você já desistiu de esperar uma cura, ou de lutar por uma libertação de um pecado especifico.
 
Talvez até aqui você só tem encontrado incompreensões e luta sozinho para uma cura que não acontece, por uma causa que não tem jeito. Mas Jesus está aqui. Ele se importa com você e se compadece de você.
 
Porque quando os nossos recursos acabam, somos fortes candidatos para um milagre.  Aquele homem estava só. Sua família o havia abandonado. Não tinha ninguém por ele. Não tinha saúde. Não tinha paz.
 
A solidão era a marca da sua vida. Ele havia chegado ao fim da linha, ao fundo do poço.Mas quando se viu desamparado, Jesus lhe estendeu a mão.
 
Se você se sente só, Jesus está perto de você. Ele pode preencher o vazio da sua alma. Todos o abandonam. Todos o acusam. Todos o discriminam, mas Jesus investe em você.
 
Se você se sente desamparado,Jesus levanta você. Jesus põe você de pé. Você caiu, fracassou, não tem forças para se levantar. As pessoas lhe rejeitaram. Mas Jesus ama você e toma você pela mão e lhe dá dignidade para continuar a viver.
 
Se você se sente desencorajado,Jesus acende uma chama de esperança no seu coração. Jesus gera expectativa no seu coração:
 
Se você se sente manco, aleijado, deformado em seus sentimentos, Jesus cura você. Ele limpa a sua vida. Ele restaura o seu nome. Ele perdoa você.
 
Se você se sente fraco, derrotado e já tentou várias vezes e fracassou, Jesus cura você. Levanta você. Restaura você e o devolve à sua família com dignidade!
 
II. VOCÊ PODE SER CURADO PORQUE JESUS TEM O DIAGNOSTICO DA SUA DOR. V. 5-7
 
1. Jesus ensina-nos a Reconhecer nossas doenças existenciais – v. 5-6
 
Para você ser curado, você precisa entender qual é o seu problema. Você precisa identificar as áreas da sua vida que precisam de cura. Muitas pessoas não querem se apresentar como fracas. Querem fazer de conta que não existe nada.
 
Mas todos nós somos feridos. Temos feridas emocionais. Ninguém vem de uma família perfeita. Todos nós temos feridas que precisam ser curadas: na área da família, dos relacionamentos, das perdassignificativas.
 
FERIDAS EMOCIONAIS quando não saram de forma apropriada, são como as feridas físicas. São como farpas(lascas de madeira) no coração, se não forem tiradas produzem “PUS EMOCIONAL”.  
 
Tem muita gente que tem medo de tirar as farpas. Tem medo de enfrentar a doença. Tem medo de voltar ao passado. Mas as cicatrizes da cura são cicatrizes de vitória – como as cicatrizes das mãos e dos pés de Jesus.
 
Aquele enfermo precisava lidar com os DRAMAS DA SUA CONSCIÊNCIA( v. 14), Olha os dramas daquele homem: pecado, abandono da família, solidão, amargura, rejeição. Tudo isso está claro quando ele diz: “Eu não tenho ninguém.”
 
Quais são as suas doenças que precisam ser curadas: mágoas, rejeição, abuso sexual, maus tratos, ingratidão, falta de perdão, soltar o passado, sarar perdas importantes (o luto, o divórcio), a culpa?
 
Jesus estava ensinando os Passos necessários para a cura:1) Admitir que você foi ferido e que há uma ferida no seu coração; 2) Identificar a ferida; 3) Perdoar as pessoas envolvidas nas suas feridas; 4) Entregue agora sua causa a Jesus.
 
Jesus sabia qual era a doença daquele homem. Jesus queria curá-lo, mas antes de fazê-lo Jesus o fez consciente da sua doença.
 
2. Jesus ensina-nos a remover as farpas do nosso coração – v. 7.
 
Quando Jesus perguntou ao homem do tanque de Betesda se ele queria ser curado, este homem lhe respondeu com uma DESCULPA: “Não tenho ninguém.”(v. 7).
 
Ele poderia ter dito simplesmente sim ou não. Se a cura traz tantos benefícios, por que as pessoas apresentam tantas desculpas ou JUSTIFICATIVAS EXISTENCIAIS para serem curadas?
 
Existem muitas desculpas existenciais que são farpas fincadas no nosso coração. Vejamos:
 
a) Eu não tenho ninguém.Sou vítima do esquecimento, abandono e ingratidão da família e dos amigos – Aquele homem de Betesda despeja a sua mágoa diante de Jesus.
 
Além de doente do corpo estava também com a alma enferma. Ele atribuía a sua falta de cura às pessoas. Os outros eram os responsáveis. Dizia ele: “Eu não fui curado porque não tenho ninguém que se interesse realmente por mim”.
 
b) Tenho medo de encarar o passado. Será muito doloroso remexer o passado. O que passou, passou – O processo da cura dói.
 
Muitas vezes significa olhar para trás e reparar danos, recordar experiências dolorosas: um abuso sexual, a falta de amor do pai ou da mãe, as cenas de violência, o abandono.
 
Cada pessoa tem farpas que causam dor e para sarar é preciso recordar. Não adianta tapar uma ferida. É preciso limpá-la. No caso do perdão é preciso:
 
c) Perdoar? “Mas eu fui ofendido”! O perdão nos liberta e nos cura. A mágoa adoece. A falta de perdão torna a vida um inferno. Quem não perdoa não tem paz. Quem não perdoa não ora, não adora, não é perdoado.
 
Quem não perdoa adoece. Quem não perdoa é entregue aos verdugos. Não espere a pessoa que lhe feriu mudar. Perdoe essa pessoa. Fique livre!
 
Esquecer? Você está louco?Deus tem um lugar específico para colocar as nossas lembranças amargas: o mar do esquecimento (Mq. 7:19).
 
Esquecer não significa fazer de conta que nada aconteceu. Significa viver além do que aconteceu. Esquecer é não sofrer nem cobrar mais a dívida da pessoa que lhe feriu.
 
 
 
d) Acometidos da síndrome do ser vitima.  “não tenho ninguém”. Muitas vezes nos colocamos na posição de vítimas indefesas dos homens e das circunstâncias.
 
E o mais triste é que passamos a acreditar nisso mesmo. Isso nos poupa de lutar conosco mesmos, ou com o nosso passado, mas também nos priva de qualquer possibilidade de vitória.
 
Quando Jesus perguntou ao paralítico ele não respondeu de pronto, mas passou a desenrolar uma série de lamentações (v. 7).
 
Longe de enxerga-se a si mesmo (no seu caso eram os seus próprios pecados, a causa da sua miséria v.14) ele passou a responsabilizar as pessoas ao seu redor.
 
e) Acostumamos com a nossa dor. Ele estava apegado a sua doença. Ele acostumou com a sua dor. Seu problema virou bichinho de estimação! Ele não sente mais o desejo de recuperação! A doença tornou seu veiculo de comunicação.
 
 Ele evita uma mudança!Eu sou assim mesmo, este é o meu jeito, sou assim por causa do meu temperamento, sou colérico, sanguíneo, fleumático. As pessoas me amam ou me odeiam!  
 
As DOENÇAS EXISTENCIAIS; podem nos trazer alguns benefícios dos quais temos muita dificuldade de abrir mão.
 
Ser curado implica assumir toda a responsabilidade pela própria vida.Se você quer culpar seus pais, seus vizinhos, a igreja, Deus e o mundo pelos seus sofrimentos, então você nunca será curado, pois você PRECISA DE SUA MÁGOA PARA VIVER.
 
Se você quer conquistar a piedade das pessoas com sua inferioridade, e com o seu sofrimento, então você jamais receberá a cura, pois precisa da sua AUTO-ESTIMA EM BAIXA PARA VIVER.
 
Se você não quer assumir compromissos, nem correr o risco de lançar-se em um empreendimento e fracassar, tampouco será curado, POIS NECESSITA DO SEU MEDO PARA VIVER.
 
ENTRE VOCÊ E A SUA ENFERMIDADE ESTABELECEU-SE UMA RELAÇÃO DE DEPENDÊNCIA QUE SABOTA TODAS AS SUAS TENTATIVAS DE MUDANÇA.Este tem sido o principio de vida que tem governado a vida da maioria das pessoas.
 
f) Incapacidade de ver além das circunstancias:ele só via o tanque como saída para sua vida. Não conseguia ver outra coisa a não ser o tanque. Ele usava a viseira do tanque, não consegui olhar para outra direção!
 
Ele perdeu 38 anos olhando para o tanque! Que não conseguia ver mais nada. O tanque era a sua ultima esperança; sua única solução. Ele não conseguia olhar para além das circunstâncias, ele não conseguia enxergar sua própria condição.
 
Muitas vezes centralizamos nossa vida em algo que achamos que será a única solução. O paralítico pensava somente no tanque, não sendo capaz de entender que Jesus estava dizendo: você quer o tanque ou a cura? Quanta semelhança com o modo como as pessoas enfrentam os seus problemas.
 
Parece que o mundo vive um tipo de DOENÇA COLETIVA, os LUNÁTICOS IDEALITAS; as pessoas vivem no mundo da lua da ficção mental.
 
Elas têm uma ideia de um mundo perfeito, de casamento perfeito, de uma igreja perfeita, que não existe e nunca existirá; e isto é FUGA DA REALIDADE; evita o fato de ter que enfrentar os próprios problemas e se expor para ser curado.
 
g) Desistimos facilmente de tentar. “Não posso, não sou suficientemente forte para entrar no tanque.” Todos os métodos que aquele homem tinha experimentado para ser curado haviam dado em nada.
 
A esperança era continuamente reavivada sempre que ele fazia nova tentativa, mas era seguida de amargo desapontamento. Depois de tantas tentativas mal sucedidas ele simplesmente desistiu! SE ALGUÉM NÃO ME AJUDAR É IMPOSSÍVEL.
 
h) Têm gente que sabe que precisa mais não quer.  O curioso a nosso respeito é que, muitas vezes, os PADRÕES DE COMPORTAMENTO que mais tendem a destruir nossa vida são aqueles que mais relutamos em nos libertar.
 
E o resultado hoje é para tentar responder à pergunta “Você quer ser curado?”, muitas pessoas se voltam para a AUTOAJUDA. E acabam ficando ainda mais frustradas.
 
Jesus te pergunta: Você quer ser curado?
 
III. JESUS TEM O REMÉDIO CERTO PARA A SUA DOR. V.8
 
Quatroetapas acontecem para este homem ser curado.
 
1. Uma pergunta maravilhosa – “Queres ser curado?”
 
Não importa quanto tempo você está sofrendo. A mulher hemorrágica sofreu 12 anos. A mulher encurvada andou 18 anos corcunda. Esse homem estava doente há 38 anos. Jesus viu um homem cego de nascença. Jesus curou a todos eles. Ele pode curar você também.
 
Não importa a causa do seu problema. Jesus é maior do que o seu problema. A sua doença pode ser incurável para os homens, mas não para Jesus. Ele é poderoso para curar você nesta noite.
 
Não importa a gravidade do seu problema. 38 anos de sofrimento. Mas Jesus lhe pergunta: Queres ser curado? Lázaro – Já cheirava mal, quatro dias sepultado. Mas Jesus ordena: Vem para fora! Você está numa SEPULTURA EXISTENCIAL.
 
Não importa as desastradas consequências do seu problema.Sua saúde acabou, seu nome foi para a lama, sua família está arrebentada. Jesus pode pegar os cacos e fazer tudo de novo. Ele transformou uma prostituta possessa, Maria Madalena e fez dela a primeira missionária da sua ressurreição.
 
Não importa o quão desesperançado você esteja. Talvez você diz: “eu não tenho ninguém”. Mas Jesus está presente com você. Ele pode tudo. Ele é o Senhor das causas perdidas.
 
Não importa quantas tentativas fracassadas você já teve.Todo ano aquele homem via gente sendo curada e ele mofando em cima da cama. Mas agora Jesus o toma e o cura!
 
2. Uma ordem maravilhosa – “Levanta-te toma o teu leito e anda”.
 
Jesus dá a ordem e dá o poder para você cumpri-la. A Palavra de Jesus tem poder. Palavra de Jesus acalma a tempestade. Os Anjos obedecem, os demônios estremecem, as enfermidades saem.
 
Ele tem toda autoridade no céu e na terra. Ele disse ao homem da mão ressequida: estende a tua mão. O que era impossível aconteceu.
 
Jesus disse para Lázaro depois de 4 dias morto: Lázaro vem para fora e o morto o obedeceu!
 
3. Um resultado maravilhoso. V.9 “Imediatamente o homem se viu curado…”
 
Em contraste com os 38 anos de espera, a Bíblia diz que ele imediatamente voltou a andar. O milagre de Jesus é imediato, completo e público. A cura de Jesus não é parcial. Jesus não oferece meias soluções. Jesus não oferece paliativos.
 
Ele não usa artifícios para enganar você. O mesmo Jesus que levantou aquele enfermo está aqui e pode perdoar você, curar você, salvar você e fazer de você uma pessoa completa, feliz e saudável física, emocional e espiritualmente.
 
4.  Uma libertação maravilhosa. V. 11.  “O Homem que me curou, me disse toma a tua cama e anda”. Eu fui prisioneiro deste leito durante 38 anos, e eu achava que este era o meu fim. Mais agora ele não me domina, eu o carrego. Eu sou livre
 
Jesus está dizendo para você. Levante-se. Não fique mais prostrado. O libertador da sua vida chegou. Não ande mais como um derrotado. Não viva mais encurvado. A cura chegou. Coloque-se de pé de volte para a sua casa curado.
 
CONCLUSÃO: Você quer ser curado? O médico dos médicos está entre nós. Ele é o Filho Deus. Ele conhece você. Ama você. Está interessado na sua vida e pode hoje curar você imediatamente, completamente!

 

 

 

 
Referência: João 5.1-14
 
INTRODUÇÃO:
 
Em primeiro lugar no meio da festa, tem uma multidão sofrendo= Jesus foi para uma festa em Jerusalém. Mas enquanto o povo se alegrava ele foi ao Tanque de Betesda, que ficava perto da porta das ovelhas, (local onde entrava os animais dos sacrifícios). Ele visita a “Casa de Misericórdia”, onde havia uma multidão de gente sofrendo.
 
 Ali havia pessoas deformadas, amassadas emocionalmente, com o coração sangrando por feridas ainda abertas. Como também hoje neste culto de celebração tem também muitas pessoas sofrendo, muita gente ferida, gente enferma no corpo e na alma.
 
Talvez estejamos como aqueles necessitados, cegos espirituais, mancos emocionais, ressicados (secos) de esperança.  Jesus se importa conosco. Todos nós vivemos debaixo de ALPENDRES EXISTENCIAIS. Todas nós precisamos de cura em alguma área da nossa vida.
 
Em segundo lugar no meio do sofrimento tem gente esperando por umacura = Ali no Tanque de Betesda,junto à porta das ovelhas, a casa de misericórdia! Há um tanque, uma saída, um lenitivo, uma gota de misericórdia! Um fiapo de esperança!  Onde um anjo descia e movia a água e o primeiro que saltava no tanque era curado.
 
Todos estavam ali na esperança de dar o mergulho da cura. Mas, um dia Jesus foi esse lugar e uma cura maravilhosa aconteceu. Jesus está visitando a sua Betesda também nesta noite.
 
Em terceiro lugar no meio de tantos gemidos ecoa-se uma retumbante pergunta=Quando Jesus viu aquele homem enfermo há 38 anos, fez-lhe uma pergunta: “Você quer ser curado?” Esta mesma pergunta é feita a você nesta noite.
 
Você que já tem esperado tanto tempo. Você que já tem buscado solução para a sua vida em tantas alternativas.
 
Você que já viu tanta gente ser curada à sua volta e ainda está doente, você quer ser curado?
 
Você que já não tem mais forças para caminhar na direção da sua cura, você quer ser curado?
 
Jesus quer te curar porque(a) ele esta interessado na sua vida. b)Ele tem Diagnostico certo da sua doença. C) Ele tem o Remédio certo para a sua Dor.
 
 
 
 
 
I. VOCÊ PODE SER CURADO PORQUE JESUS ESTÁ INTERESSADO NA SUA VIDA – V. 5-6
 
O interesse de Jesus está evidenciado pelo seu conhecimento e sua compaixão por nós.
 
1. O conhecimento de Jesus sobre nós.  v. 6 “Jesus, vendo-o ... e sabendo que estava neste estado a muito tempo”.
 
a) Jesus viu esse enfermo no meio da multidão.Aquele homem era a maquete da desesperança. O retrato da dor. Ele já não tinha mais sonhos para sonhar. Sua causa estava totalmente perdida. Não foi ele quem viu a Jesus, mas foi Jesus quem o viu.
 
Jesus viu o seu passado, a sua condição e o seu futuro. Jesus viu que a causa da sua tragédia era o pecado da sua juventude. Jesus viu que ele estava colhendo o que havia plantado.
 
b) Jesus viu uma triste história de pecado(v. 14 “não volte mais a vida de pecado, ou algo pior poderá te acontecer” (BLC).
 
Aquele homem não estava apenas PRESO À SUA CAMA, mas também ao seu passado, as suas memórias amargas, a sua culpa. O pecado havia jogado aquele homem num leito existencial.
 
c) Jesus também está vendo a sua vida. Ele vê a sua alma. Ele sonda o seu coração. Ele sabe qual é a sua doença. Nada pode ficar oculto aos olhos dele. Jesus conhece os segredos do seu coração.
 
Jesus sabia que aquele homem estava enfermo há 38 anos. Sabia a causa do seu sofrimento. Jesus conhece a sua dor, a sua angústia, o seu vazio, a sua crise. Ele tem nas mãos o diagnóstico da nossa vida. El tem o raios-X da nossa alma.
 
2. A compaixão de Jesus por nós.  V. 6 – 7.
 
A doença desse homem era uma causa perdida.  Por isso, Jesus foi ao encontro dele. Jesus tomou a iniciativa. Jesus o abordou. Jesus abriu para ele a porta da esperança.
 
Jesus sentiu sua dor, seu drama. Talvez você já não tenha mais forças para clamar. Talvez você já desistiu de esperar uma cura, ou de lutar por uma libertação de um pecado especifico.
 
Talvez até aqui você só tem encontrado incompreensões e luta sozinho para uma cura que não acontece, por uma causa que não tem jeito. Mas Jesus está aqui. Ele se importa com você e se compadece de você.
 
Porque quando os nossos recursos acabam, somos fortes candidatos para um milagre.  Aquele homem estava só. Sua família o havia abandonado. Não tinha ninguém por ele. Não tinha saúde. Não tinha paz.
 
A solidão era a marca da sua vida. Ele havia chegado ao fim da linha, ao fundo do poço.Mas quando se viu desamparado, Jesus lhe estendeu a mão.
 
Se você se sente só, Jesus está perto de você. Ele pode preencher o vazio da sua alma. Todos o abandonam. Todos o acusam. Todos o discriminam, mas Jesus investe em você.
 
Se você se sente desamparado,Jesus levanta você. Jesus põe você de pé. Você caiu, fracassou, não tem forças para se levantar. As pessoas lhe rejeitaram. Mas Jesus ama você e toma você pela mão e lhe dá dignidade para continuar a viver.
 
Se você se sente desencorajado,Jesus acende uma chama de esperança no seu coração. Jesus gera expectativa no seu coração:
 
Se você se sente manco, aleijado, deformado em seus sentimentos, Jesus cura você. Ele limpa a sua vida. Ele restaura o seu nome. Ele perdoa você.
 
Se você se sente fraco, derrotado e já tentou várias vezes e fracassou, Jesus cura você. Levanta você. Restaura você e o devolve à sua família com dignidade!
 
II. VOCÊ PODE SER CURADO PORQUE JESUS TEM O DIAGNOSTICO DA SUA DOR. V. 5-7
 
1. Jesus ensina-nos a Reconhecer nossas doenças existenciais – v. 5-6
 
Para você ser curado, você precisa entender qual é o seu problema. Você precisa identificar as áreas da sua vida que precisam de cura. Muitas pessoas não querem se apresentar como fracas. Querem fazer de conta que não existe nada.
 
Mas todos nós somos feridos. Temos feridas emocionais. Ninguém vem de uma família perfeita. Todos nós temos feridas que precisam ser curadas: na área da família, dos relacionamentos, das perdassignificativas.
 
FERIDAS EMOCIONAIS quando não saram de forma apropriada, são como as feridas físicas. São como farpas(lascas de madeira) no coração, se não forem tiradas produzem “PUS EMOCIONAL”.  
 
Tem muita gente que tem medo de tirar as farpas. Tem medo de enfrentar a doença. Tem medo de voltar ao passado. Mas as cicatrizes da cura são cicatrizes de vitória – como as cicatrizes das mãos e dos pés de Jesus.
 
Aquele enfermo precisava lidar com os DRAMAS DA SUA CONSCIÊNCIA( v. 14), Olha os dramas daquele homem: pecado, abandono da família, solidão, amargura, rejeição. Tudo isso está claro quando ele diz: “Eu não tenho ninguém.”
 
Quais são as suas doenças que precisam ser curadas: mágoas, rejeição, abuso sexual, maus tratos, ingratidão, falta de perdão, soltar o passado, sarar perdas importantes (o luto, o divórcio), a culpa?
 
Jesus estava ensinando os Passos necessários para a cura:1) Admitir que você foi ferido e que há uma ferida no seu coração; 2) Identificar a ferida; 3) Perdoar as pessoas envolvidas nas suas feridas; 4) Entregue agora sua causa a Jesus.
 
Jesus sabia qual era a doença daquele homem. Jesus queria curá-lo, mas antes de fazê-lo Jesus o fez consciente da sua doença.
 
2. Jesus ensina-nos a remover as farpas do nosso coração – v. 7.
 
Quando Jesus perguntou ao homem do tanque de Betesda se ele queria ser curado, este homem lhe respondeu com uma DESCULPA: “Não tenho ninguém.”(v. 7).
 
Ele poderia ter dito simplesmente sim ou não. Se a cura traz tantos benefícios, por que as pessoas apresentam tantas desculpas ou JUSTIFICATIVAS EXISTENCIAIS para serem curadas?
 
Existem muitas desculpas existenciais que são farpas fincadas no nosso coração. Vejamos:
 
a) Eu não tenho ninguém.Sou vítima do esquecimento, abandono e ingratidão da família e dos amigos – Aquele homem de Betesda despeja a sua mágoa diante de Jesus.
 
Além de doente do corpo estava também com a alma enferma. Ele atribuía a sua falta de cura às pessoas. Os outros eram os responsáveis. Dizia ele: “Eu não fui curado porque não tenho ninguém que se interesse realmente por mim”.
 
b) Tenho medo de encarar o passado. Será muito doloroso remexer o passado. O que passou, passou – O processo da cura dói.
 
Muitas vezes significa olhar para trás e reparar danos, recordar experiências dolorosas: um abuso sexual, a falta de amor do pai ou da mãe, as cenas de violência, o abandono.
 
Cada pessoa tem farpas que causam dor e para sarar é preciso recordar. Não adianta tapar uma ferida. É preciso limpá-la. No caso do perdão é preciso:
 
c) Perdoar? “Mas eu fui ofendido”! O perdão nos liberta e nos cura. A mágoa adoece. A falta de perdão torna a vida um inferno. Quem não perdoa não tem paz. Quem não perdoa não ora, não adora, não é perdoado.
 
Quem não perdoa adoece. Quem não perdoa é entregue aos verdugos. Não espere a pessoa que lhe feriu mudar. Perdoe essa pessoa. Fique livre!
 
Esquecer? Você está louco?Deus tem um lugar específico para colocar as nossas lembranças amargas: o mar do esquecimento (Mq. 7:19).
 
Esquecer não significa fazer de conta que nada aconteceu. Significa viver além do que aconteceu. Esquecer é não sofrer nem cobrar mais a dívida da pessoa que lhe feriu.
 
 
 
d) Acometidos da síndrome do ser vitima.  “não tenho ninguém”. Muitas vezes nos colocamos na posição de vítimas indefesas dos homens e das circunstâncias.
 
E o mais triste é que passamos a acreditar nisso mesmo. Isso nos poupa de lutar conosco mesmos, ou com o nosso passado, mas também nos priva de qualquer possibilidade de vitória.
 
Quando Jesus perguntou ao paralítico ele não respondeu de pronto, mas passou a desenrolar uma série de lamentações (v. 7).
 
Longe de enxerga-se a si mesmo (no seu caso eram os seus próprios pecados, a causa da sua miséria v.14) ele passou a responsabilizar as pessoas ao seu redor.
 
e) Acostumamos com a nossa dor. Ele estava apegado a sua doença. Ele acostumou com a sua dor. Seu problema virou bichinho de estimação! Ele não sente mais o desejo de recuperação! A doença tornou seu veiculo de comunicação.
 
 Ele evita uma mudança!Eu sou assim mesmo, este é o meu jeito, sou assim por causa do meu temperamento, sou colérico, sanguíneo, fleumático. As pessoas me amam ou me odeiam!  
 
As DOENÇAS EXISTENCIAIS; podem nos trazer alguns benefícios dos quais temos muita dificuldade de abrir mão.
 
Ser curado implica assumir toda a responsabilidade pela própria vida.Se você quer culpar seus pais, seus vizinhos, a igreja, Deus e o mundo pelos seus sofrimentos, então você nunca será curado, pois você PRECISA DE SUA MÁGOA PARA VIVER.
 
Se você quer conquistar a piedade das pessoas com sua inferioridade, e com o seu sofrimento, então você jamais receberá a cura, pois precisa da sua AUTO-ESTIMA EM BAIXA PARA VIVER.
 
Se você não quer assumir compromissos, nem correr o risco de lançar-se em um empreendimento e fracassar, tampouco será curado, POIS NECESSITA DO SEU MEDO PARA VIVER.
 
ENTRE VOCÊ E A SUA ENFERMIDADE ESTABELECEU-SE UMA RELAÇÃO DE DEPENDÊNCIA QUE SABOTA TODAS AS SUAS TENTATIVAS DE MUDANÇA.Este tem sido o principio de vida que tem governado a vida da maioria das pessoas.
 
f) Incapacidade de ver além das circunstancias:ele só via o tanque como saída para sua vida. Não conseguia ver outra coisa a não ser o tanque. Ele usava a viseira do tanque, não consegui olhar para outra direção!
 
Ele perdeu 38 anos olhando para o tanque! Que não conseguia ver mais nada. O tanque era a sua ultima esperança; sua única solução. Ele não conseguia olhar para além das circunstâncias, ele não conseguia enxergar sua própria condição.
 
Muitas vezes centralizamos nossa vida em algo que achamos que será a única solução. O paralítico pensava somente no tanque, não sendo capaz de entender que Jesus estava dizendo: você quer o tanque ou a cura? Quanta semelhança com o modo como as pessoas enfrentam os seus problemas.
 
Parece que o mundo vive um tipo de DOENÇA COLETIVA, os LUNÁTICOS IDEALITAS; as pessoas vivem no mundo da lua da ficção mental.
 
Elas têm uma ideia de um mundo perfeito, de casamento perfeito, de uma igreja perfeita, que não existe e nunca existirá; e isto é FUGA DA REALIDADE; evita o fato de ter que enfrentar os próprios problemas e se expor para ser curado.
 
g) Desistimos facilmente de tentar. “Não posso, não sou suficientemente forte para entrar no tanque.” Todos os métodos que aquele homem tinha experimentado para ser curado haviam dado em nada.
 
A esperança era continuamente reavivada sempre que ele fazia nova tentativa, mas era seguida de amargo desapontamento. Depois de tantas tentativas mal sucedidas ele simplesmente desistiu! SE ALGUÉM NÃO ME AJUDAR É IMPOSSÍVEL.
 
h) Têm gente que sabe que precisa mais não quer.  O curioso a nosso respeito é que, muitas vezes, os PADRÕES DE COMPORTAMENTO que mais tendem a destruir nossa vida são aqueles que mais relutamos em nos libertar.
 
E o resultado hoje é para tentar responder à pergunta “Você quer ser curado?”, muitas pessoas se voltam para a AUTOAJUDA. E acabam ficando ainda mais frustradas.
 
Jesus te pergunta: Você quer ser curado?
 
III. JESUS TEM O REMÉDIO CERTO PARA A SUA DOR. V.8
 
Quatroetapas acontecem para este homem ser curado.
 
1. Uma pergunta maravilhosa – “Queres ser curado?”
 
Não importa quanto tempo você está sofrendo. A mulher hemorrágica sofreu 12 anos. A mulher encurvada andou 18 anos corcunda. Esse homem estava doente há 38 anos. Jesus viu um homem cego de nascença. Jesus curou a todos eles. Ele pode curar você também.
 
Não importa a causa do seu problema. Jesus é maior do que o seu problema. A sua doença pode ser incurável para os homens, mas não para Jesus. Ele é poderoso para curar você nesta noite.
 
Não importa a gravidade do seu problema. 38 anos de sofrimento. Mas Jesus lhe pergunta: Queres ser curado? Lázaro – Já cheirava mal, quatro dias sepultado. Mas Jesus ordena: Vem para fora! Você está numa SEPULTURA EXISTENCIAL.
 
Não importa as desastradas consequências do seu problema.Sua saúde acabou, seu nome foi para a lama, sua família está arrebentada. Jesus pode pegar os cacos e fazer tudo de novo. Ele transformou uma prostituta possessa, Maria Madalena e fez dela a primeira missionária da sua ressurreição.
 
Não importa o quão desesperançado você esteja. Talvez você diz: “eu não tenho ninguém”. Mas Jesus está presente com você. Ele pode tudo. Ele é o Senhor das causas perdidas.
 
Não importa quantas tentativas fracassadas você já teve.Todo ano aquele homem via gente sendo curada e ele mofando em cima da cama. Mas agora Jesus o toma e o cura!
 
2. Uma ordem maravilhosa – “Levanta-te toma o teu leito e anda”.
 
Jesus dá a ordem e dá o poder para você cumpri-la. A Palavra de Jesus tem poder. Palavra de Jesus acalma a tempestade. Os Anjos obedecem, os demônios estremecem, as enfermidades saem.
 
Ele tem toda autoridade no céu e na terra. Ele disse ao homem da mão ressequida: estende a tua mão. O que era impossível aconteceu.
 
Jesus disse para Lázaro depois de 4 dias morto: Lázaro vem para fora e o morto o obedeceu!
 
3. Um resultado maravilhoso. V.9 “Imediatamente o homem se viu curado…”
 
Em contraste com os 38 anos de espera, a Bíblia diz que ele imediatamente voltou a andar. O milagre de Jesus é imediato, completo e público. A cura de Jesus não é parcial. Jesus não oferece meias soluções. Jesus não oferece paliativos.
 
Ele não usa artifícios para enganar você. O mesmo Jesus que levantou aquele enfermo está aqui e pode perdoar você, curar você, salvar você e fazer de você uma pessoa completa, feliz e saudável física, emocional e espiritualmente.
 
4.  Uma libertação maravilhosa. V. 11.  “O Homem que me curou, me disse toma a tua cama e anda”. Eu fui prisioneiro deste leito durante 38 anos, e eu achava que este era o meu fim. Mais agora ele não me domina, eu o carrego. Eu sou livre
 
Jesus está dizendo para você. Levante-se. Não fique mais prostrado. O libertador da sua vida chegou. Não ande mais como um derrotado. Não viva mais encurvado. A cura chegou. Coloque-se de pé de volte para a sua casa curado.
 
CONCLUSÃO: Você quer ser curado? O médico dos médicos está entre nós. Ele é o Filho Deus. Ele conhece você. Ama você. Está interessado na sua vida e pode hoje curar você imediatamente, completamente!

De: 07/08/2017
Por: Jairo Carvalho



Deixe seu comentário abaixo
0 comentário

 

Quanto é :

2011 - 2017 Pregação Expositiva
Desenvolvimento: Agência Kairós
Usuários online 1 online Visitantes 195275 Visitas